30 de abril de 2008

Ecoparque - a nova arquitectura sustentável


2 comentários:

alexandre mendes disse...

O problema, é o que nós temos hoje.
Outro problema é o dinheiro.

Imagino que sejam projectistas, onde encontrar o promotor para o ECOPARK?

Sou estudante de Arquitectura no Algarve, e cada vez que vejo serem deitados abaixo pinhais fantasticos e centenários para construção de moradias que vão estar ocupadas 2 meses por ano... faz-me confusão, é claro que faz.

O que é que vcs tem planeado?
eu tenho algumas ideias porque felizmente tive um professor que puxou por nós nesse sentido.

Tiago Torres Campos disse...

Olá Alexandre,

É claro que a implementação do conceito de Ecopark é, por si só, complexo.

Foi constituída uma equipa composta por Arquitectos, Arquitectos Paisagista, Arquitectos Urbanistas e Engenheiros e estamos neste momento em fase de estudo para a implementação de um Ecopark na grande Lisboa.

A complexidade de um Ecopark não depende só da dificuldade de articular os diferentes níveis (urbano, arquitectónico, ecológico e paisagístico) mas também e sobretudo da articulação destes níveis com a sua validação económico.

Gostaria muito de saber mais acerca das tuas ideias!